quinta-feira, 20 de setembro de 2007

gabarito prova 3º ano dia 20/09

01 - (UFPE-03/adaptação) O estudo das ondas sísmicas e dos campos magnéticos permitiu o descobrimento e a caracterização de três importantes camadas internas da Terra: a Litosfera, o Manto e o Núcleo.
Com relação a esse tema, estão corretas as afirmações abaixo:
I. O Manto envolve o Núcleo terrestre, ocupa a menor parte do volume do planeta e se comporta como um fluido que se move lentamente.
II. A Crosta Oceânica, uma porção da Litosfera, é composta fundamentalmente por rochas graníticas e não apresenta, em suas camadas inferiores, rochas basálticas.
III. As marés, que influenciam a vida das populações das regiões costeiras, são resultantes da combinação de forças que o Sol e principalmente a Lua exercem sobre as águas do mar. Quando a Terra está alinhada em relação ao Sol e à Lua, ocorrem as marés de sizígia ou marés vivas.
IV. O Núcleo é formado basicamente por níquel e alumínio; essa camada, que produz o campo magnético do planeta, apresenta elevadas temperaturas.
É ou são correto(s) apenas o(s) item(s):
a. I e II
b. II e III
c. I, II e III
d. Apenas a III
e. Apenas a IV

02 - (UFPE-03/adaptação) O mar exerce uma grande influência sobre as bordas dos continentes, esculpindo paisagens que, em geral, se constituem excelentes atrativa à atividade turística. Na zona de contato entre os oceanos e os continentes, as ondas e as correntes configuram essas paisagens costeiras singulares. Sobre esse assunto, analise a correção das afirmações abaixo.
I. Durante uma transgressão marinha, as falésias sofrem uma pausa no processo evolutivo, pois cessam os fenômenos erosivos e se intensificam os processos deposicionais.
II. As correntes litorâneas podem formar faixas arenosas costeiras, denominadas restingas, que, muitas vezes, se desenvolvem paralelamente à linha da costa.
III. A zona costeira do Brasil abriga um verdadeiro mosaico de ecossistemas, tais como mangues, restingas, estuários, costa de dálmatas, recifes coralígenos.
IV. A zona costeira pode ser definida como um espaço de interação verificada entre meios terrestres, marinhos e atmosféricos.
É ou são correto(s) apenas o(s) item(s):
a. I e II
b. II e III
c. I, II e III
d. I, II e IV
e. II e IV

03 - (UNIFESP-06) O mapa aponta três grandes unidades do relevo brasileiro.
Assinale a alternativa que as identifica corretamente no perfil AB e o processo que predominou na sua formação.
a. Planaltos, sedimentação; Depressões, dobramentos; Planícies, erosão.
b. Planícies, dobramentos; Planaltos, sedimentação; Depressões, sedimentação.
c. Depressões, erosão; Planícies, erosão; Planaltos, dobramentos.
d. Planícies - sedimentação; Planaltos - erosão; Depressões - erosão.
e. Planaltos, erosão; Depressões, sedimentação; Planícies, sedimentação.

04 - (UFU-MG/adaptação) Nas últimas décadas, as informações sobre o clima tornaram-se, ao mesmo tempo, mais precisas e numerosas. Atualmente, tais informações são mais bem analisadas e estão mais acessíveis para um número maior de pessoas, organizações, cooperativas e outros organismos, mesmo que isto não signifique o domínio de conhecimento sobre tal assunto. Comumente, tais informações são passadas nos meios de comunicações, e as massas de ar são representadas graficamente.
Portanto, as informações sobre as massas de ar são de conhecimento de um grande número de interessados, no Brasil e no mundo, diariamente.
No Brasil, podemos estabelecer algumas informações corretas sobre as massas de ar que atuam em seu território, exceto:
a. a massa Equatorial continental (mEc) tem seu centro de origem no Noroeste da Amazônia e possui características quentes e úmidas, dominando a porção ocidental da Amazônia praticamente todo o ano.
b. a massa Polar atlântica (mPa), fria e úmida tem seu centro de origem no sul da Argentina, no Oceano Atlântico, próximo ao litoral da Patagônia e atua com mais evidência no inverno, perdendo as suas propriedades iniciais quando atinge o interior do Brasil, depois de algum tempo de atuação.
c. a massa Tropical atlântica (mTa), quente e úmida, é originária do oceano Atlântico, no anticiclone de Santa Helena, nas proximidades do trópico de Capricórnio, exercendo enorme influência sobre a parte litorânea do Brasil.
d. a massa Equatorial atlântica (mEa), quente e úmida, origina-se no anticiclone dos Açores e domina a parte litorânea da Amazônia e do Nordeste brasileiro, durante alguns momentos do ano e, no inverno do hemisfério Sul, seu centro de origem desloca-se mais ao norte.
e. a massa Tropical continental (mTc) tem seu centro de origem na depressão do Chaco, sendo quente e úmida. Sua área de atuação abrange o Brasil central e setentrional, resultando em chuvas convectivas de verão.

05 - (UNIUBE-05/Adaptada) Leia o texto:
"O tsunami (tsu : porto, ancoradouro; nami : onda,mar), indo-asiático está entre os cinco maiores
desastres com terremotos desde 1900. Atingiu três continentes, 12 países e deixou 280 mil mortos,
mas o número pode ainda crescer por causa das possíveis epidemias". Ameaças da terra. Ano 1, N.o 2. Editora On Line.
Sobre os tsunamis e aquele que atingiu a Ásia em 2004, analise as afirmações:
I. Os tsunamis têm sua origem em terremotos no assoalho marítimo, em erupções vulcânicas submarinas e também podem estar associados a terremotos terrestres.
II. Historicamente, a região de maior incidência de tsunamis é o Oceano Índico, pois apresenta atividades vulcânicas e abalos sísmicos de grande intensidade.
III. O epicentro do terremoto que provocou o tsunami fica sob o Oceano Índico, no noroeste da ilha de Sumatra, na Indonésia, numa área de encontro de placas.
IV. Em Sumatra, as bordas das placas Australiana e Africana chocam-se e deslocam-se uma sobre a
outra (movimento deslizante), provocando uma súbita elevação de 15 metros no leito do oceano em uma extensão de milhares de quilômetros quadrados.
São corretas apenas as afirmações contidas em:
a. I e III
b. II e III
c. I, III e IV.
d. II e IV.
e. I, II, IV.

06 - (UEG-05) Levando em consideração a figura a seguir e os seus conhecimentos sobre terremotos, leia
atentamente as proposições e assinale V (verdadeiro) ou F (falso):
( )Os tsunamis são ondas gigantes ocasionadas pelo deslizamento costeiro ou marítimo, ou por erupções vulcânicas. No ano de 2004, foi registrado no Oceano Índico alto índice de mortes provocado por esse fenômeno.
( )Os terremotos são vibrações das camadas da crosta da Terra produzidas pelo tremor e oriundas de fenômenos tectônicos ou vulcânicos. Esses fenômenos ocorrem quando as placas tectônicas entram em processo de choque ou acomodação.
( )As vibrações causadas pelos terremotos são produzidas por ondas longitudinais e transversais, podendo ser consideradas fracas aquelas que não são notadas pelo homem, sendo, porém, registradas pelos sismógrafos.
( )O alto risco de incidência de terremotos no Japão dá-se pela sua localização em uma região de encontro de placas tectônicas continentais e oceânicas e pelo fato de a região conter várias falhas geológicas, além de inúmeros vulcões.
( )Se comparados aos que ocorrem no Japão e na Califórnia, os abalos sísmicos no Brasil são de menor intensidade; esse fenômeno pode ser explicado pela situação geológica do país, que dificulta ocorrências de maior proporção.
Marque a alternativa correta:
a. V, V, V, V, V
b. V, F, V, F, V
c. V, V, V, V, F
d. F, V, F, V, F
e. V, V, V, F, F

07 - (CEFETPR-02) O geógrafo Jurandyr Ross propôs uma nova classificação do relevo brasileiro, valendo-se das imagens obtidas através do projeto RadamBrasil. Essa classificação considerou as cotas altimétricas nos limites dos relevos e sua evolução.
Analise as afirmações abaixo sobre estes novos conceitos geomorfológicos:
I. Planaltos em bacias sedimentares encontram-se quase inteiramente circundados por depressões periféricas ou marginais, apresentando, também nos contatos entre planaltos e depressões, os relevos conhecidos como frentes de cuestas.
II. As planícies correspondem a áreas essencialmente planas, geradas por depósitos sedimentares recentes, sejam de origem marinha, lacustre ou fluvial. Associam-se às planícies litorâneas, formando os tabuleiros em suas formas mais elevadas.
III. Depressões são mais planas que os planaltos, resultado de ações erosivas e de inclinação suave. A maior parte do que antes se considerava planalto é hoje classificado como depressão, ou seja, um relevo elevado e plano, circundado por escarpas, onde a degradação é maior que a deposição de sedimentos.
Assinale:
a. se todas as afirmações forem corretas.
b. se apenas a afirmação III for incorreta.
c. se apenas a afirmação II for correta.
d. se apenas as afirmações I e II forem incorretas.
e. se apenas a afirmação I for correta.

08 – (Puc-MG 2007) A estrutura geológica da superfície terrestre constitui o embasamento do modelado do relevo, em contínuo processo de transformação. São grandes estruturas geológicas, EXCETO:
a) Os escudos cristalinos ou maciços antigos, resultantes da solidificação do material magmático e da ascensão de suas formações rochosas até a superfície.
b) As bacias sedimentares, de formação antiga ou recente, resultantes da ação destrutiva da erosão sobre os maciços e da posterior deposição do material erodido sobre áreas rebaixadas ou de sedimentação em períodos mais recentes.
c) Os dobramentos modernos, originados do entrechoque de placas, formando os episódios mais recentes de acomodação tectônica.
d) Os círculos de fogo, formadores de áreas de elevada instabilidade tectônica, com elevada incidência de atividade vulcânica, terremotos e maremotos.

09 - Na(s) questão(ões) a seguir, julgue os itens e escreva nos parênteses (V), se for verdadeiro, ou (F),
se for falso.
O solo, juntamente com outros elementos da natureza, é a base de toda vida no nosso planeta. Sobre as causas da sua destruição, julgue os itens a seguir.
( ) A principal causa da erosão do solo é a perda ou retirada da cobertura vegetal. O solo desnudado ou descoberto é um alvo fácil para a água da chuva e o vento exercerem sua ação erosiva e destruidora.
( ) A prática da queimada destrói apenas os microrganismos e não prejudicam os solos.
( ) A compactação dos solos, causada pelo uso de equipamentos pesados na agricultura, é um dos fatores de destruição do solo.
( ) Nas áreas semi-áridas, os solos sofrem o processo de lixiviação, ou seja, solos improdutivos por causa da constante irrigação dos solos.
( ) No Brasil, o solo laterítico (endurecido e pouco fértil) é denominado canga e aparece principalmente nas chapadas da Região Centro-Oeste.
A) F, F, V, F, V
B) V, F, V, F, V
C) F, F, V, F, F
D) F, V, V, F, V

10 - A atmosfera constitui um sistema caótico. O ar está em constante movimento, em conseqüência, especialmente, das diferenças de pressão e do movimento de rotação da Terra. A previsão meteorológica é complicada, exigindo grandes investimentos em tecnologia e instrumentos.
I. Na zona intertropical, onde está a maior parte do Brasil, as altas pressões dominantes facilitam a verificação das condições atmosféricas pela estabilidade reinante.
II. O que chamamos de clima é o conjunto de variações do tempo durante longo período.
III. Embora atinja grandes porções da atmosfera, a influência das massas de ar na determinação dos tipos climáticos é quase nula, pois essas massas de ar são geralmente estáticas.
IV. Tratando-se de assunto meteorológico, tempo significa estado momentâneo da atmosfera em um local.
Assinale as afirmações corretas.
a) I e IV.
b) I e II.
c) III e IV.
d) II e IV
e) I e III.

11 - Observe a figura adiante:
No que se refere às características dos horizontes do solo, é incorreto afirmar.
a) O horizonte R corresponde à rocha matriz ainda inalterada.
b) O horizonte C é composto por material proveniente da rocha matriz.
c) O horizonte B caracteriza-se pela concentração de material lixiviado e transportado do horizonte A.
d) O horizonte A apresenta maior quantidade de rocha decomposta, bem como maior permeabilidade.
e) O horizonte R corresponde à rocha matriz, já bastante alterada por ação erosiva natural.

12 - O aumento significativo da produção de alimentos é o resultado da modernização do campo e da introdução de novas técnicas agrícolas, principalmente no mundo desenvolvido onde é maior o nível de capitalização e onde são utilizadas as mais avançadas tecnologias. No entanto, essa revolução vem provocando uma série de impactos ambientais em ecossistemas agrícolas.
(Adaptado de SENE, Eustáquio. MOREIRA, João C. "Espaço Geográfico eGlobalização". São Paulo: Ed. Scipione, 1998.)
Entre as explicações para esses impactos ambientais, temos:
1. plantio de uma única espécie, em grandes extensões de terra, causa desequilíbrios nas cadeias alimentares pré-existentes, favorecendo a proliferação de pragas;
2. os cortes feitos nas encostas das montanhas, para a formação de degraus, onde são feitos cultivos, provocam um revolvimento dos solos, o que facilita o transporte dos nutrientes pelas águas das chuvas;
3. a maciça utilização de agrotóxicos provoca a proliferação de linhagens resistentes, forçando o uso de pesticidas cada vez mais potentes, o que causa danos tanto aos trabalhadores que os manuseiam quanto aos consumidores de alimentos contaminados;
4. a utilização indiscriminada de agrotóxicos acelera a contaminação do solo e seu empobrecimento, ao impedir a proliferação de microorganismos fundamentais para sua fertilidade.
Estão corretas as afirmativas:
a) 1 e 2.
b) 1 e 3.
c) 1,2 e 3.
d) 1,3 e 4.
e) 1,2, 3 e 4.

13 - Considere as características a seguir:
• Temperaturas médias superiores a 18ºC com diferenças sazonais marcadas pelo regime de chuvas.
• Amplitude térmica anual inferior a 6°C.
• Circulação atmosférica controlada por massas equatoriais e tropicais.
• Regimes fluviais dependentes, basicamente, do comportamento da precipitação.
• Paisagens vegetais dominantes: florestas latifoliadas e savanas.
Tais feições ocorrem, predominantemente, em regiões:
a) extratropicais de média latitude e elevada altitude.
b) intertropicais de baixa latitude e modesta altitude.
c) temperadas com forte influência dos oceanos.
d) de planícies inundáveis de alta latitude.
e) litorâneas de qualquer latitude.

14 - Assinale (V) verdadeiro ou (F) falso nas afirmativas a seguir.
( ) A pressão atmosférica varia com a altitude e com a temperatura ambiente. Em geral, a pressão é mais alta em lugares de maior altitude.
( ) O vento existe devido à diferença de pressão entre duas regiões. O ar desloca-se de um zona de baixa pressão para uma zona de alta pressão.
( ) Podemos afirmar que tempo é o estado momentâneo do ar e que clima é um sucessão habitual de muitos estados de tempo.
( ) O ciclo da água ocorre devido aos fenômenos da evaporação, condensação e precipitação.
( ) As massas polares oceânicas apresentam baixa temperatura e podem provocar mudanças repentinas no tempo.

A) F, F, V, V, V
B) V, F, V, V, V
C) F, F, V, V, F
D) F, V, V, V, V
E) F, F, F, V, V

15 - A relação entre elementos formadores do clima e fatores modificadores caracteriza a classificação climática de uma região. A alternativa que NÃO apresenta uma correta relação é:
a) A temperatura diminui com o aumento da altitude.
b) A amplitude térmica aumenta com a continentalidade e diminui com a maritimidade.
c) A umidade e a temperatura aumentam e diminuiem, respectivamente, com o aumento da latitude.
d) A temperatura tende a aumentar com a urbanização, originando ilhas de calor.
e) A umidade e a pressão atmosférica diminuem com o aumento da altitude.

Um comentário:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.